Responsabilidade Social

SindusCon-SP faz balanço das ações de responsabilidade social em 2018

Toda a programação foi cumprida, informa o vice-presidente Haruo Ishikawa

Por Rafael Marko 11/01/2019 15:22:40

Apesar dos obstáculos enfrentados pela indústria da construção civil em 2018, o SindusCon-SP realizou todas as ações de Responsabilidade Social previstas em sua programação anual. De acordo com Haruo Ishikawa, vice-presidente do sindicato, “ter realizado tanto, em meio às dificuldades que caracterizaram o setor e a vida associativa no ano passado, deixa-nos com a sensação do dever cumprido, no sentido da contribuição efetiva que a responsabilidade social proporciona à indústria da construção e ao país”.

Com o tema “Conquistando um novo futuro”, o SindusCon-SP realizou a 11ª edição do ConstruSer – Encontro Estadual da Construção Civil em Família. Considerado o maior evento de responsabilidade social da construção paulista, o ConstruSer atingiu mais de 22 mil pessoas, entre trabalhadores da construção e seus familiares, na capital e em todas as cidades-sede das Regionais do SindusCon-SP no interior do Estado.

Durante todo o dia, foram oferecidos atendimentos médicos, odontológicos e educacionais, além de muitas opções de lazer. Os participantes beneficiaram-se de um total de 245 mil atendimentos proporcionados pelo sindicato e por seus principais parceiros: Sesi-SP, Senai-SP e Seconci-SP, além de outras entidades.

Outro evento relevante foi a 18ª edição anual da Megasipat – Mega Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho, realizada com os mesmos parceiros em todo o Estado. Mais de 2.700 participantes de 307 empresas vivenciaram um dia de atividades voltadas à prevenção em saúde e segurança do trabalho, tornando-se multiplicadores de boas práticas nos respectivos canteiros de obras.

Durante todo o ano, foi mantido o Programa SindusCon-SP de Segurança, em parceria com o Senai-SP. Um total de 1.381 canteiros de obras de 787 empresas que empregam 126,5 mil trabalhadores foram visitados pelos técnicos de segurança do programa. Conferiu-se o atendimento às exigências da Norma Regulamentadora 18 do Ministério do Trabalho, que trata da segurança no ambiente de trabalho da construção, e das demais normas de saúde e segurança. Muitas melhorias foram implementadas, graças ao trabalho dos técnicos do Senai-SP.

Outro destaque foi a continuidade do Programa de Elevação da Escolaridade, mantido em parceria com o Sesi-SP. O programa tem como objetivo elevar o nível de escolaridade dos trabalhadores da construção, referente aos primeiros anos do Ensino Fundamental 1 (1º ao 5º ano). De acordo com o último levantamento feito pelo Sesi-SP, até agosto 127 funcionários frequentavam os cursos nas 33 salas que haviam sido abertas.

Bastante relevante foi o 5º Prêmio Seconci-SP de Saúde e Segurança do Trabalho, que obteve muita repercussão no setor. A premiação foi realizada mediante parceria do Seconci-SP com o SindusCon-SP, para reconhecer e divulgar as práticas de saúde e segurança do trabalho mais bem-sucedidas, implementadas em canteiros de obras do Estado. Foram laureados 16 canteiros de obras de 9 empresas, além do Trabalhador Modelo e do Empresário do Ano que se destacaram nesta área. Para os trabalhos de avaliação dos participantes, contamos mais uma vez com o auxílio dos técnicos do Senai-SP.

Também divulgamos nossas práticas de responsabilidade social em eventos como o Enic – Encontro Nacional da Indústria da Construção, a Canpat – Campanha Nacional de Prevenção de Acidentes do Trabalho do Ministério do Trabalho, e o Seminário Unificado em Segurança e Saúde dos Trabalhadores da Fundacentro.









Rua Dona Veridiana, 55

Santa Cecília,

São Paulo,

01238-010

(11) 3334-5600

sindusconsp@sindusconsp.com.br



Rua Dona Veridiana, 55

Santa Cecília,

São Paulo,

01238-010

(11) 3334-5600

sindusconsp@sindusconsp.com.br